O Que é Madeira Certificada?

Você já viu um anúncio de um móvel de madeira sendo vendido com um selo de certificação? Claro, que diante de tal informação, você provavelmente pensa que o objeto foi submetido a um rigoroso controle durante toda a fase produção. Porém, isso é o que nós imaginamos, mas a informação não é tão clara assim. O que exatamente significa ter um móvel com selo de madeira certificada? E quais são os critérios usados para que ele tenha recebido aquele selo e por isso seja uma vantagem para os consumidores?

O que é o Selo de Certificação Dado à Madeira

Não é difícil encontrar  nas lojas de materiais para construção e reforma ou de decoração madeira com o selo “FSC Brasil”. Ele pode ser visto em móveis ou madeiramento estrutural. Essa certificação é reconhecida internacionalmente. Se trata de um sistema de certificação florestal, isto é, classifica e identifica, através de uma logomarca, todos os produtos que são oriundos do manejo florestal feito de modo correto, com respeito ao meio ambiente e em conformidade com as leis vigentes de preservação.

Madeira Certificada

Madeira Certificada

Sobre a FSC, Forest Stewardship Council Brasil

A FSC é uma ONG, uma organização não governamental e não tem nenhum fim lucrativo. Ela foi criada com o único propósito de contribuir  para a divulgação do manejo cuidadoso ao meio ambiente da madeira.

Quem possui o selo significa que tem uma proveniência confiável, dá exploração, passando pela produção e chegando ao consumador final. Esses responsáveis pelos produtos florestais respeitam não só o meio ambiente, mas também os consumidores. Cabe a nós a decisão de escolher por uma empresa que respeita as regras ou não.

Certflor (Programa Brasileiro de Certificação Florestal), também segue a mesma linha da FSC.   A também Ong atua na mesma área, levando em conta os critérios e indicadores nacionais. Essas regras seguidasd pela Certflor são aquelas passadas pelas normas elaboradas pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Além disso, a ABNT também é integrada ao Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade e ao Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia).

O quê e como se Certifica?

A certificação pode ser concedida a qualquer matéria-prima que tenha origem florestal, não se limitando ao madeiramento estrutural, como por exemplo, alimentos que são oriundos da extração das florestas, como as castanhas do pará.

Você pode encontrar ou procurar os seguinte produtos com o selo de certificação: papel, batentes, embalagens, assoalhos, cosméticos, celulose e gêneros alimentícios que tenham a exploração florestal, como foi dito anteriormente.

A madeira com certificação pode ser oriunda de reflorestamentos ou de florestas naturais, como n o caso aquelas que vem da Amazônia.

No caso das madeiras que são provenientes do reflorestamento, a maior parte delas são do gênero Pinus, e também lenhos oriundos de teca ou eucalipto. Já no caso daquelas que são oriundas da Amazônia são cedro ou ipê.

Como estes Artigos Ganham esta Certificação?

É exigido do estabelecido que sejam respeitadas regras e que sejam cumpridos uma série de procedimentos. Uma vez que está tudo de acordo com o que foi exigido pela FSC Brasil, a empresa recebe o selo e logo a seguir recebe uma visita de uma auditoria da FSC Brasil. Nesta visita, a ONG fiscaliza para ter certeza de que tudo está sendo seguido conforme as regra determinadas.

Todos as regras e critérios estabelecidos pela FSC estão ligadas à questões sociais, ambientais e econômicas da atividade nas florestas. Sendo que são pensadas  para que os recurso naturais sejam usados de força certa, garantindo também a saúde e segurança de quem está envolvido no processo e das comunidades que vivem nas proximidades.

Veja os 10 Princípios para o Manejo Florestal da FSC

  1. Obedecer às regras aplicáveis e aos princípios do FSC.
  2. Ser responsável e o direito de posse e manejo da terra.
  3. Respeitar os direitos dos povos indígenas e tradicionais.
  4. Ampliar e manter o bem-estar dos trabalhadores e das comunidades do local.
  5. Utilização dos serviços e produtos da floresta.
  6. Fazer as manutenções necessárias das funções de integridade e ecológicas.
  7. Elaborar o plano de manejo respeitando a escala e as operações iniciais propostas.
  8. Monitorar e analisar como estão sendo os trabalhos de manejo florestal e os impactos deles ao meio ambiente.
  9. Fazer a manutenção das florestas de alto valor de conservação.
  10. Todas as áreas utilizadas devem complementar o manejo e ajudar na promoção da conservação das florestas, com os reflorestamentos.
Manejo Florestal

Manejo Florestal

Madeira Certificada: Legalizada

Porém, saiba que madeira certificada e madeira legal não são a mesma coisa. O que é legalizado é  tudo o que foi  extraído atendendo as exigências legais do país e por isso pode ser  comercializado mediante com uma licença ambiental. Neste caso, a empresa atendeu à legislação de exploração de recursos naturais.

No caso da madeira certificada, porém são levados em consideração outros aspectos ambientais, assim como os sociais e econômicos, citados anteriormente. Na prática podemos dizer que nem toda madeira legalizada é certificada, enquanto, toda madeira com a certificação é legalizada.

Veja como Saber se uma Madeira é Certificada Realmente

Para ter certeza sobre a autenticidade do produto e do certificado de garantia que existe nele, você pode consultar o banco de dados da FSC Brasil. No site você deve colocar o nome da empresa e o número da certificação, que aparece na madeira da seguinte forma: FSC – C (e o número). Todos os itens que são certificados apresentam o número dessa forma. Além disso, você também pode consultar a Cadeia de Custódia, uma análise aplicada as indústrias e ao comércio daqueles produtos que receberam o selo.

Funciona da seguinte forma: uma indústria de revestimentos compra a matéria-prima que são de origem florestal e faz os pisos, em seguida, passa para revenda que deve comercializá-los, fazer chegar no consumidor final. Neste caso, a FSC podem receber o selo de Cadeira de Custódia, que afirma que foi tudo feito seguindo as normas estipuladas por ela.

O que significa que esse certificado rastreia a madeira da sua exploração até o consumidor final, sempre levando em conta os fatore de saúde, sociais e de segurança ocupacional.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Construção

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *