Dicas Para Ter Bebidas Sempre Geladas

Bebida que é para ser consumida gelada deve ser gelada de verdade. Se a festa for no verão então, não desce, refrigerante ou cerveja quente, nem um “pouco gelada”. E com o calor que tem feito nos últimos verões no Brasil, “bebida quente” virou problema de 10 em 10 festas, principalmente, quando tem o esquema “ de cada um leva um pouco de bebida”.

Claro que é bem normal que isso aconteça, já que a casa de ninguém tem a estrutura que tem um bar o restaurante para ter sempre bebida gelada. Na verdade, o problemas às vezes acaba até mesmo comprometendo um bom atendimento de um bar. Com muito movimento, nem mesmo os proprietários desses estabelecimentos comerciais conseguem oferecer bebida sempre bem geladinha. E como fazer para resolver o problema pelo menos na festa de casa.

Um pesquisador não usou mágica para resolver o problema de ter sempre bebidas geladas em casa na hora da festa, ele usou foi mesmo a física e garante, funciona. Seria mais ou menos assim: com base nos ensinamentos da escola, se sabe que o volume da água aumenta com a superfície de contato e que o sal diminuiu a temperatura de fusão do gelo, isto é, faz com que ele leve mais tempo  para derreter e por último, pensando na química, sabemos que se pode “roubar” calor com o álcool.

Então, com esses “ingredientes” e com a base científica, dá para ter bebida sempre gelada em 3 minutos. Não acredita? Anote a receita e experimente!

  • Gelo o suficiente para dar conta de toda a bebida que abastecerá a festa.
  • Depois considere para cada saco de gelo: 1 litro de álcool e meio quilo de sal.
  1. Escolha onde você deixará a bebida que deverá ser gelada e mantida na temperatura. Pode ser um balde, um cooler, um isopor, etc.
  2. Coloque um pouco de gelo no fundo, coloque as garrafas ou latinhas sobre ele, e em seguida, jogue mais gelo sobre elas. Faça como um bolo de camadas até encher o recipiente, gelo, bebida, gelo, bebida. Se tiver gelo entre as latinhas na lateral, melhor ainda. Você pode usar também garrafas de vidro e de refrigerante pet.
  3. Depois que terminar de fazer todas as camadas jogue sal por cima de tudo. Só não esqueça depois, antes de tomar a sua bebida, de limpar a latinha para não sentir o sabor salgado.
  4. O próximo passo é jogar álcool por cima do sal e das latinhas. Jogue pelo menos um litro.
  5. Agora dê uma balançada para que misture a sua “poção mágica”, se o lugar escolhido é térmico e tem tampa, melhor ainda, as suas bebidas ficarão geladinhas.
  6. Não se assuste porque o gelo irá derreter em bem mais rápido do que se não tivesse álcool e são, porém, em poucos minutos a cerveja passará de quente a muito gelada, no ponto para consumo. Experimente!

Curiosidades Sobre Invenções Para Ter Bebidas Sempre Geladas

A coca cola, com certeza uma das bebidas mais consumidas no mundo, vem há muito tempo “ouvindo” reclamações dos seus consumidores em relação as embalagens. O problema sempre teve a ver com as questões ecológicas e por isso, a empresa está sempre tentando descobrir um formato melhor para as garrafas. Foi então, que em 2013, a marca veio com a super novidade na Colômbia, criando uma garrafa de coca cola feita com gelo, acabando assim como problema ecológico e de bebida que demora a gelar por causa do tipo de embalagem.

E o problema da mão também congelar já que a garrafa é de gelo foi resolvido porque ela acompanha uma pequena faixa que depois pode até virar pulseira. A nova garrafa de coca cola colombiana foi chamada de eco-friendly.

Dicas Para Manter a Cerveja Gelada na Temperatura Certa

Você sabia que os diferentes tipos de cerveja devem ser consumidos em temperaturas diferentes para serem melhor apreciados? Veja a escala que foi criada por um famoso americano esperto de cerveja. Ele dividiu observando 5 níveis de temperatura, porém, no Brasil, teria uma adaptação e foi isso que um mestre cervejeiro fez e chegou a essa tabela que você verá a seguir:

  1. As cervejas muito geladas, que o brasileiro gosta de chamar de “estupidamente gelada” devem ficar com a temperatura entre 0 a 4 graus: as sem álcool, Pale Lagers e qualquer cerveja cujo objetivo principal seja refrescar e o sabor não conte muito.
  2. As cervejas bem geladas, isto é, com a temperatura variando entre 5 a 7 graus: Lambics de fruta, Gueuzes e as de trigo claras.
  3. As cervejas geladas que devem ficar com a temperatura variando entre 8 a 12 graus: cervejas de trigo escuras, Lagers Escuras, Pale Ale, Porter, Vienna, Helles, Bock tradicional, Tripel e Amber Ale.
  4. E tem também as cervejas que têm a temperatura de adega, de 13 a 15 graus: Strong Ales Escuras, Ale quadrupel, Stout, as cervejas Belgas especiais, Eisbocl e Doppelbock.

E Falando em Bebidas Sempre Geladas: Veja a Temperatura Ideal dos Vinhos

  • Temperaturas baixas que variam de 4 a 12 graus devem ficar as seguintes bebidas: vinhos brancos, como Chardonnay e Sauvignon Blanc e espumantes. A temperatura é importante estar correta para os espumantes para garantir as suas propriedades e no caso dos vinhos, para evitar que eles fiquem com um forte gosto de álcool.
  • Temperaturas que variam de 12 a 15 graus: nesta temperatura devemos incluir os vinhos tintos leves e os rosados.
  • Temperaturas que variam de 16 a 18 graus: nesta temperatura devemos incluir os vinhos tintos, como Shiraz e Bordeux. (É muito comum ver brasileiros colocando o vinho tinto para gelar, um grande erro). Eles são naturalmente mais ácidos e com um grande teor de tanino, colocando-os na geladeira, esses dois componentes o deixarão sem sabor.
  • Quanto mais um vinho é ácido em maior temperatura ele deve ficar, sempre lembrando que a maior delas é 18 graus. Até mesmo vinhos encorpados como o Cabernet Sauvignon deve ser mantido nessa temperatura.

Como você viu, nem sempre uma bebida deve ser sempre muito gelada, algumas são melhores de serem apreciadas em temperaturas mais altas, até mesmo para não perder o sabor.

 

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Dicas

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *