O Que é Compensado Sarrafeado?

Madeiras Compensadas

A madeira compensada foi fabricada pela primeira vez em 1797 por Samuel Bentham. Ele utilizou várias lâminas de madeiras e as colou uma a outra com uma cola extremamente forte e assim formou uma peça única laminada com verniz.

Madeiras Compensadas são muitos versáteis e utilizadas em uma grande variedade de finalidades dependendo de alguns fatores, como reforço e revestimento. São muito utilizadas em construções internas e externas. Há 4 tipos de design de madeiras compensadas; estrutural, exterior, interior e marítimo.

Dependendo em como foi utilizada, se não há manchas ou pinturas as madeiras compensadas podem servir de sobras de madeira que serão reutilizadas como composto ou cobertura morta. Também podem ser reutilizadas como camas de animais, paisagismo e melhoria de solos.

A maioria das madeiras compensadas apresentam resistência aos danos causados pela água, as mais fortes ainda conseguem suportar estragos que poderiam ser causados por água por muito mais tempo. Apesar disso mesmo as madeiras tratadas contra prejuízos causados pela água, ao serem expostas à umidade por muito tempo começará a desgastar e danificar. As que não são tratadas sofrem com o desgaste por causa da umidade muito mais cedo.

Devido a forma como é construída ela pode ser pintada de maneira muito eficiente e é ideal para criação de novos designs. A pintura deverá ser feita com um tipo especial de gel, porém dependendo do tipo de tratamento que ela receba é possível utilizar qualquer outro tipo de tintura nas placas. Para que se tenha o efeito desejado é necessário um cuidado correto e assim a madeira manterá uma cor uniforme.

As madeiras podem ser lixadas oi polidas, mas para isso é necessário que se utilize equipamentos adequados como começar com uma lixa mais grossa para depois uma mais fina e deixar o polimento mais suave e bonito.

Certas variedades de compensados podem ser dobradas, como as produzidas com madeiras granuladas, porém isso não ocorre com a maioria que ao se dobrar se lascam e quebram.

As espessuras dos compensados irão variar dependendo de qual uso ela será destinada. Se for usado como suporte deve ser mais espesso e resistente. A espessura pode variar de um oitavo de polegada até um quarto de polegada. Isso não é regra e essa dimensões variam conforme o fabricante e para o que será utilizada.

O tipo mais comum de madeira compensada utilizada nos Estado Unidos é a feita com madeira de Luan que se origina de árvores do tipo Shorea. Ela cresce de forma retilínea, o que torna a técnica de fabricação mais eficiente e fácil. Por essa configuração sua durabilidade é maior.

Para ser utilizada como piso a melhor escolha seria o contraplacado interior, eles geralmente são moderadamente vedados contra estragos ocasionados pela água, por isso é importante utiliza-los em lugares que não entrará com frequência em contato com umidade.

Em coberturas o indicado são os contraplacados de barreira, eles são mais duráveis e aguentam mais tempo desgastes físicos causados pelas chuvas.

Tipos de Compensados

No mercado há a disposição vários tipos de compensados que se diferem pelo tipo de madeira, e pela técnica usada no processo de industrialização.

Compensado Antiderrapante

Compensado Antiderrapante

Compensado Antiderrapante

As lâminas são coladas com resina fenólica e coberto com uma película fenólica. Um dos lados é revestido com uma proteção de um agente antiderrapante. Os contornos são selados com produto impermeabilizante.

Servem principalmente para pisos ou passarelas.

Compensado Laminado

Compensado Laminado

Compensado Laminado

As lâminas são coladas com cola de formol e ureia em sentidos diferentes até formarem uma chapa. Essas chapas possuem de 4 a 22 milímetros, tem resistência mecânica, e no final seu acabamento é feito por lixamento.

São úteis para fabricação de prateleiras de armários, embalagens e na proteção de outros móveis.

Compensado Sarrafeado

Compensado Sarrafeado

Compensado Sarrafeado

Os compensados de sarrafeados são constituídos principalmente de material reaproveitado de madeiras que seriam jogadas fora em serralherias. Outra origem desses compensados vem de árvores como as Pinus e Eucaliptus. Apenas alguns tipos de insumos descartados, e de madeiras são utilizados na fabricação de sarrafos, pois a utilização de material não apropriado pode elevar o custo da produção.

O compensado sarrafeado tem no seu interior lâminas de sarrafos que são colocadas paralelamente umas as outras feitas de madeira Pinus. Elas são unidas por um cordão de nylon e coladas. Na parte externa duas lâminas de madeiras tropicais são colocadas no sentido contrário às madeiras internas e passa por um processo de lixamento, isso confere uma maior resistência para a placa.

Esse material é utilizado na confecção de portas, em muitos tipos de móveis e na construção civil.

A produção se inicia com a fabricação de sarrafos, nesta etapa a escolha da madeira utilizada é de extrema importância. O fluxo de produção se encontra abaixo.

Fabricação de sarrafos

União dos sarrafos

Alisamento da superfície

Preparo para a fixação

Cobertura do miolo

Prensagem

Empacotamento

Acabamento

Armazenamento

Um outro tipo de material muito utilizados é a madeira compensada, mas entre ela e o sarrafeado qual é a melhor escolha. Algumas diferenças entre elas são listadas abaixo.

Na madeira compensada, finas camadas de madeira são coladas umas às outras, pode ser usado vários tipos de madeiras alternadamente. Como cada camada de madeira está presa em outra há uma maior qualidade do produto. Já o sarrafeado como descrito acima são tiras de madeiras ou blocos que ficam entre duas camadas de madeiras compensadas, essas madeiras são coladas em alta pressão.

Os diferentes tipos de madeira compensada são apropriados para diversos usos. São muito utilizadas no interior das casas como carcaças para TV, armários entre outros. É um material pesado e podem ser usadas em ambientes que possuem umidade. O sarrafeado é usado para equipamentos longos e muito comum na fabricação de móveis, pois é mais resistente e menos suscetível a se dobrar. As placas de sarrafeado são muito utilizadas em edifícios, longas estantes, mesas, camas e portas internas e externas.

A madeira compensada é mais resistente a umidade e impermeável. É regular por todo seu comprimento, pode ser desmontado, pintado e revestido. Porém peças muito grandes torcem ao meio e se lascam ao serem cortadas. A madeira de sarrafeado mantém a umidade, por isso em contato com água são danificadas mais facilmente. Podem ser cortadas sem serem totalmente destruídas, pois são mais estáveis ao longo de sua dimensão. São encontradas com diferentes acabamentos como coberturas plásticas e fachadas de madeira. Podem ser pintadas e limpas e como seu interior é feito com madeira macia, é mais leve que madeira compensada.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Imóveis

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *