Luminárias de Parede

O ato de decorar ambientes é tão antigo que não conseguimos datar com precisão quando ela começou. Os seres humanos sempre tentam melhorar como vivem e muito disso reflete nos lugares onde ele convive. Mesmo na época das cavernas, eles tentavam se sentir confortáveis da maneira que pudessem.

Isso conseguimos comprovar com várias ferramentas, adornos e outras coisas encontradas por historiadores. As primeiras civilizações que possui artefatos considerados realmente para decoração são as gregas e egípcias.

Os gregos faziam diversos monumentos de gesso, mármore e argila.  A maioria deles eram usados para adorar os deuses da época. Também existia uma presença muito forte de pintores e outros artistas que já decoravam ambiente internos e externamente também, em jardins e praças.

Os egípcios tinham muito devoção a vida pós a morte, por isso existe muita decoração nas pirâmides, que são os túmulos de grandes faraós, possui grandes pinturas nas paredes, acompanhando a escrita hieroglífica, conseguiam fazer esculturas muito bem trabalhadas feita de ouro.

Como tudo na evolução da humanidade a decoração também teve suas melhorias pelos anos, e com certeza o maior divisor de águas foi a revolução industrial na Europa e no Estados unidos, pois a partir disso as pessoas que antes não conseguiam comprar artigos de decoração por antes eles eram muito caros. Com a produção em alta quantidade os preços começaram a diminuir e assim a classe média também começou a investir em decoração assim como os mais ricos faziam.

No Brasil, os índios tinham sua própria decoração com tudo feito a partir da natureza. Com a chegada dos portugueses, eles trouxeram a cultura europeia e com ela seus artefatos de decoração. Os mais sofisticados só vieram quando a coroa portuguesa chegou em 1808.  Trouxe com eles tecidos, acessórios, tapetes e tudo que podiam para deixar com a cara de sua terra natal.

Apenas no século XX que o Brasil começa andar com suas próprias pernas, tendo uma decoração mais especifica e mais com personalidade.  Algumas faculdades de artes, arquitetura, urbanismo e design foram criadas, as primeiras com mais destaque foram a ESDI(Escola Superior de Desenho Industrial) e FAU (Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo).

Com elas as técnicas, os produtos e todo o design foi aprimorado e assim as pessoas também conseguiam diplomas oficiais para exercer atividades que já faziam antes. Nesse período conseguir contratar um profissional dessa área era apenas para pessoas mais ricas, já que era todo um projeto complicado e extenso.

No início o grupo de profissionais de decoração era formado em sua grande maioria por homens,  existe relatos que esses decoradores pensavam na decoração do ambiente como ele achava melhor sem consultar muito a opinião das pessoas.

A qualidade pro cliente ainda não era muito importante da época. Até a década de 70, pouquíssimas empresas se importavam realmente com que os funcionários pensavam e por isso a decoração e qualquer melhoria de ambiente dentro delas não era julgado como necessário. Somente anos depois isso começou a ser discutido como melhora de produtividade.

Para reunir todos os profissionais da área em 1980 foi criada a ABD(Associação Brasileira de Designers de Interiores), juntamente com isso veio o alto reconhecimento da sociedade, podendo trabalhar com moveis, tecidos, estética, projetos e reformas. Ou seja, de tudo um pouco.

Com a globalização chegando no final do século XX, muita coisa das culturas de diversos países foram englobadas na decoração brasileira, tudo dependendo do gosto da pessoa. Com altas importações não só de produtos, mas também de ideias, a decoração ganhou diversas vertentes e começa a pensar muito no que o cliente deseja, como bem-estar e conforto. Com isso também se tornou mais simples e barato decorar um ambiente, existe muita gente que pega alguns vídeos no youtube, ou então algumas ideias com fotos do Pinterest e conseguem fazer por si próprias. Algumas vezes elas mesmo fazem os objetos por meio do artesanato.


Luminárias de Parede

Um item de decoração que vem sendo muito utilizado é a luminária, ela pode ser usada de diversas formas, no teto, em mesa, nas paredes.

As pessoas deixaram de usar simples lâmpadas do teto do cômodo e começaram a utilizar as luminárias com muito mais sofisticação e cuidado. Escolher uma luminária não é fácil com a quantidade de modelos que existe no mercado. Mas ela precisa combinar com o restante dos moveis do ambiente.

O charme dado ao ambiente pode ser trago por diversos materiais, sendo madeira para as pessoas que gostam de coisas mais rústicas. Pode ser feito de aço, metal ou alumínio para ficar com um ar elegante. Em alguns casos mais simples são apenas lâmpadas bem posicionadas.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Decoração

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *