Iluminação de Jardim

A iluminação usada no jardim pode ajudar a construir uma imagem para o ambiente, junto com a escolha das plantas e móveis é essencial para a aura do ambiente. Além disso, quando escurece e o sol dá adeus ao dia é bom contar com uma iluminação inteligente e que ajude a preservar a beleza dessa parte da casa.

As lâmpadas e luminárias ajudam a tornar o ambiente mais agradável e ainda destacam os detalhes paisagísticos. Embora não existam regras para o planejamento da iluminação do jardim é bom pensar bastante a respeito para ter um bom resultado. Com as dicas que daremos a seguir você vai conseguir planejar uma iluminação que irá enriquecer o visual.

Dicas Básicas

A primeira dica básica a respeito de projeto de iluminação do jardim é entender que se deve ter bem claro o que não deve ser iluminado. Isso quer dizer ter bem claro quais são os objetivos do projeto. A iluminação não tem uma função apenas estética no jardim, mas também funcional, mas tudo depende do que se deseja iluminar.

A escolha dos materiais que serão utilizados também é de extrema importância porque se deve conhecer principalmente os tipos de plantas que farão parte do jardim, o espaço que irão ocupar, as suas características e a como será a composição final.

Lâmpadas – Como Escolher

As lâmpadas são o centro do projeto, elas que vão ajudar a dar o tom da iluminação. Devido a isso é natural que haja uma atenção especial na escolha das lâmpadas. Um item que deve ser analisado é o índice de reprodução de cor (IRC), a radiação, a durabilidade e a temperatura da cor (K).

A temperatura pode ser branca quente (2700k a 3000k) ou branca fria (4000k a 6000k). Atualmente, a melhor opção é usar a tecnologia LED que oferece mais economia e baixo aquecimento além de ter uma vida útil prolongada. Para os jardins as lâmpadas de LED são excelentes opções.

Lâmpadas Halógenas

As lâmpadas halógenas também são boas para o uso em jardins em relação ao seu alto índice de reprodução de cor. Entretanto, essas lâmpadas são quentes e acabam passando esse calor para as plantas que podem ficar com as suas folhas ressecadas. O LED não causa esse problema e ainda não emite radiação infravermelha nem ultravioleta o que ajuda a deixar as plantas mais bonitas sem lhes causar danos.

Materiais

Uma tendência que está forte na decoração de áreas externas é o uso de materiais recicláveis. É possível encontrar um ponto comum entre materiais recicláveis e o jardim, por exemplo, luminárias feitas a partir de galhos de árvores com lâmpadas de LED.

Outra boa alternativa de materiais é a fibra ótica, para isso se utiliza um condutor de luz que se ramifica em vários pontos por meio de uma ou mais fontes de luz, tudo depende do projeto. Uma vantagem das lâmpadas de LED e da fibra ótica é que nenhum dos materiais transmite temperaturas elevadas para as plantas de forma que não lhes causam danos. A segurança é outro benefício de usar esses materiais uma vez que não existe transmissão de energia elétrica e por isso não são causados choques e queimaduras.

O Clima do Jardim

O clima que se deseja criar para o jardim pode ser influenciado tanto pela temperatura como pela cor da lâmpada. Espaços iluminados por lâmpadas de temperaturas mais baixas ganham um visual mais sofisticado. A escolha da cor e da temperatura das lâmpadas depende de quais são os objetivos que se objetiva.

Luminárias

Na hora de escolher as luminárias é importante pensar em que qual é o efeito que se deseja passar. Quando o que se quer é criar um efeito de sombra e vultos que é chamado de backlight é mais indicado posicionar as luminárias entre a vegetação. Porém, se o que você quer iluminar o jardim como um todo é mais indicado fazer uma instalação de refletores ou de postes.

Nos jardins que tem esculturas, arbustos ou outros objetos que mereçam destaque é mais interessante usar luminárias com facho direcionado ou até mesmo luminárias que estejam embutidas no chão. Também é possível dar destaque para uma árvore, algo interessante para um espaço que tenha um espécime antigo e grande. Essa técnica se chama up light e pode ser feita através de uma luminária que fique embutida no solo. Isso faz com que a árvore tenha o seu tronco iluminado e a copa receba luz debaixo para cima.

Cores

O planejamento da iluminação de um jardim também deve contar com o uso de cores, mas é importante ter parcimônia para não acabar gerando muita saturação. Numa iluminação de jardim o mais importante é enfatizar a cor da natureza, quanto mais simples mais bonito.

Porém, cuidado ao usar a cor verde na iluminação do jardim para que não fique monocromático. O contraste é fundamental para que a iluminação destaque o que é importante, ou seja, a natureza. Quem decidir por usar a cor verde na iluminação deve concentrá-la na copa das árvores ou nas plantas. Uma boa cor para iluminar um espaço de jardim é o âmbar que cria um efeito de alaranjado.

Rede Elétrica – Quais Cuidados Tomar

Qualquer projeto de iluminação deve ter uma atenção e um cuidado especial para evitar acidentes. É essencial ter atenção com a rede elétrica para evitar acidentes, observar o tipo de fiação que será utilizada. Deve estar alinhada com as cargas de cada circuito e também se deve observar a soma de potencias que serão utilizadas.

Quando os fios não estão bem protegidos, por exemplos, podem acontecer acidentes bastante sérios com os animais de estimação e até com as pessoas. Se você tem crianças e animais de estimação deve ter um cuidado ainda maior para evitar que haja contato com a fiação com a possibilidade de choques e outros acidentes. A grande dica é chamar um especialista para cuidar da instalação elétrica no seu jardim assim você poderá ficar mais tranquilo quanto a proteção e o resultado.

Em uma casa diversos detalhes são essenciais para conferir o charme cobiçado. Para quem dispõe de um jardim na entrada de sua casa não deve pecar na iluminação deste.

A iluminação deve sempre apontar para as árvores e arbustos, destacando estes. Se for ausente destes e houver a presença apenas de gramas e flores pode-se optar por iluminação de postes, entre outras luminárias ao longo de um caminho de pedra. Um charme é utilizar as luminárias que dão um toque antigo como as lanternas. Confira nas imagens!

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Área Externa

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *