Como Funcionam as Máquinas de Lavar Louças

A máquina de lavar louças dá uma grande ajuda no dia a dia de quem tem uma rotina corrida. Trata-se de uma máquina que limpa os pratos, copos, talheres e alguns modelos lavam até panelas. Basicamente se deve colocar os pratos dentro da máquina, acrescentar o detergente e então definir os ciclos para lavar. Por fim basta acionar a máquina e aguardar que o ciclo de lavagem seja completo.

O Processo de Limpeza da Louça

O aparelho de lavar louça realiza algumas funções sem o auxílio do usuário dentre as quais estão: encher de água; aquecer a água para que chegue na temperatura correta; abre automaticamente o recipiente do detergente quando isso é necessário; joga jatos d’água para fazer a limpeza dos pratos, faz a drenagem da água suja, lança água nos pratos e faz a drenagem da água de novo.

Sistemas de Controle

Em geral essas máquinas contam com sistemas que gerenciam a máquina de maneira automática para ter certeza de que o funcionamento está correto. O sistema consiste num timer (pode ser também um computador) que controla o tempo de cada um dos ciclos.

Além disso, essas máquinas ainda contam com um sensor que determina as temperaturas da água e ar para garantir que o aparelho não passe por um superaquecimento ou então cause danos a louça. A máquina também possui um sensor que detecta se tem água demais e então ativa a drenagem para que a máquina não transborde.

Tem máquinas que possuem ainda a função de detectar se a água usada na louça está suja, assim percebem que a louça está limpa assim que a água sai limpa. Uma garantia de que a louça será devidamente limpa como deve.

Onde Fica a Água?

Uma curiosidade a respeito das máquinas de lavar louça é que elas têm um espaço diminuto para água, porém, mesmo assim não transbordam. Na verdade somente um reservatório localizado na parte de baixo da máquina fica cheio. Nesse espaço a água é aquecida até uma faixa de temperatura entre 55°C a 60°C.

Jatos

Na sequência que a água é acumulada no reservatório a bomba dá o impulso na mesma através de jatos nos pratos sujos. Além disso, a força empregada no jato d’água acarreta em que o suporte de jatos em spray.

Drenagem

Depois que a lavagem e o processo de exnágue da louça acabam essa água usada é drenada e volta para o espaço de reserva no qual recebe novo impulso da bomba para sair da máquina. Em algumas máquinas de lavar a água drenada é enviada direto para fora.

Ciclo de Secagem

Essa etapa é opcional e se o usuário a seleciona então a resistência responsável pelo aquecimento que fica na parte de baixo da máquina faz o aquecimento do ar de dentro e assim seca os pratos. Uma dica para quem quer economizar energia é deixar os pratos secando dentro da máquina sem ligá-la.

Componentes Principais de Uma Máquina de Lavar Louças

Mecanismo de Controle

Esse componente fica localizado na parte de dentro da porta, está localizado depois do painel de controle. Em geral as máquinas tem um sistema elétrico e mecânico bastante simples que usa um timer para saber quanto tempo deverá ser empregado em cada ciclo e dessa forma ativar a função seguinte.

As versões mais caras de máquinas de lavar louças possuem o controle feito por meio de um sistema de computador. Algumas versões mais novas de máquinas de lavar louças têm um sistema que trava a porta que se não estiver corretamente fechada impede que ela funcione. Algumas versões têm travas de segurança para proteger as crianças.

Válvula de Admissão

É através dela que a água chega dentro da máquina.  É importante lembrar que a bomba de unidade não faz o bombeamento de água no espaço de reserva. Assim que a válvula é acionada é feita pressão para que a água entre no aparelho.

Bomba

O motor elétrico liga a bomba que passa então a fazer força para bombear a água que vai para os suportes da máquinas que geram os jatos. Durante é realizada a drenagem da água a bomba redireciona a água para a mangueira. Os componentes que formam a bomba do motor estão localizados na parte que fica debaixo do reservatório na parte central do aparelho. Tem dois tipos de bombas.

Reversível

Basicamente ele faz o alternamento do bombear da água para a emissão de jatos de água ou então alterna para levar ao dreno de mangueira e assim inverte a direção de funcionamento do motor. Quase sempre essas bombas são instaladas na vertical.

Bomba Reversível

O funcionamento do motor acontece unilateralmente e a direção do fluxo é dividida entre os suportes e também o sistema de drenagem por meio de um solenóide que faz a abertura e o fechamento das válvulas necessárias ou então que alterna a conexão da mangueira com a outra. Quase sempre as bombas de acionamento direto são montadas no sentido horizontal.

Bomba de Acionamento Direto

As máquinas de lavar louças podem ser montadas como portáteis ou como permanentes. Em geral as portáteis tem laterais com acabamentos e na parte superior funcionam como apoio. Quando está sem uso o aparelho pode ser posto junto a uma parede e assim que é colocada na direção da pia passa a ser conectada a uma saída de água.

Quando instalada permanentemente a máquina fica apoiada no suporte e então é parafusada. Já as mangueiras embaixo da pia da cozinha são ligadas diretamente a linha de água quente e num ponto do esgoto.

O Inventor da Máquina de Lavar Louças

No ano de 1886 Josephine Cochrane inventou a versão moderna da máquina de lavar louças. Josephine era uma mulher de posses que criou o sistema de jato de água para evitar que seus empregados continuassem trincando a sua louça.  Cochrane criou a empresa KitchenAid. Hoje em dia, as máquinas de lavar louças são muito usadas no dia a dia de muitas casas no auxílio para deixar as louças sempre bem limpinhas.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
utensilios domésticos

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *