Como Cultivar Alimentos Orgânicos

O cultivo de alimentos orgânicos é uma forma de plantar na qual produtos químicos não são utilizados. É uma jardinagem para estabelecer uma relação natural entre o meio ambiente e plantas. Não é simples cultivar alimentos orgânicos e nem fazer torna-se um orgânico. Para isso, o primeiro passo é plantar e consumir os alimentos 100% orgânicos.

Passo a Passo Para Cultivar Alimentos Orgânicos

  • O primeiro deles é muito claro, simples e objetivo: esqueça qualquer produto químico. Mas, não é só isso, os demais passos também devem ser adotados.
  • Para cultivar alimentos orgânicos será necessário um solo saudável e para que ele fique ainda melhor, misture muito material orgânico e também coloque terra preta. Caso seja necessário comprar esse material, para ter certeza da procedência, veja se os produtos orgânicos para uso no solo possuem um certificado de horto.
  • Um cultivo de alimentos orgânicos deve fazer prevalecer a biodiversidade, então, não tenha medo de diversificar misturando várias espécies na sua horta ou jardim.
  • Uma boa maneira de reduzir a possibilidade de doenças atacando as suas plantas e não fazer com que o solo tenha a fertilidade comprometida é melhor alternar as culturas. Não passe um ano depois do outro cultivando os mesmas plantas no mesmo solo. Varie, mude de lugar.
  • A terra precisa ser entendida, isto é, não force uma planta a ficar em um solo que não é apropriado para ele. Escolha para cultivar os alimentos orgânicos que são adequados a região.
  • É necessário que predadores naturais de pragas estejam presente no meio da sua plantação, para que isso aconteça, faça uso de inseticidas orgânicos. Porém, não recorra imediatamente a um produto industrializado, se por acaso notar a presença de pragas na sua hora. Faz parte ter paciência para que o seu cultivo desenvolva um ecossistema equilibrado. 
  • Não desanime se na sua primeira tentativa de ter um jardim orgânico as coisas não andarem como o planejado. Você está lidando com a natureza e é normal que em algum momento, ela “faça” o que quer e não se importe para os seus cuidados. Assim, como é natural, que você cometa erros na primeira e até mesmo na terceira tentativa.

Aprenda a fazer sprays e produtos inseticidas alternativos, caseiros e sem química:

1- Para combater as formigas e as lagartas você irá usar somente dois ingredientes: pimenta e sabão.

  • Coloque em um borrifador água, raspas de sabão e alguns pedacinhos de pimenta-malagueta. Depois agite bem e borrife sobre as plantas.

2- Para combater as bactérias e os fungos, será necessário usar: algas.

  • As algas deverão ser colocadas dentro de um balde, que em seguida, deverá ser bem tampado. Deixe passar 3 semanas pelo menos, pegue o líquido do balde e use água para diluído, deixando que o líquido fique com tonalidade chá ralo. Depois é só colocar o líquido obtido dentro de um borrifador e aplicar nas plantas.

3- Para combater mofo em rosas e pintas pretas, será necessário usar: emulsão de peixe e bicarbonato de sódio.

  • A mistura deve ser de 4 litros e meio de água para 3 colheres de sopa de bicarbonato e mais 3 colheres de sopa de emulsão de peixe. Misture bem e coloque no borrifador, que deverá ser usado 3 vezes por semana.

4- Para combater os pulgões será necessário usar: detergente em uma vasilha amarela.

  • É necessário que a vasilha seja amarela para que funcione. Coloque dentro dela água com o detergente neutro e deixe próximo as plantas. A cor da vasilha fará com que os pulgões sejam atraído e terminem morrendo na água da mesma.

5- Para combater ácaros, pulgões e outros parasitas será necessário: sabão e píretro.

A mistura deve ser feita com água quente, o sabão e 2 colheres de flores de píretro. Para que funcione, aguarde uma hora que fique pronto o líquido, coe e coloque dentro do borrifador.

As chamadas estratégias orgânicas para que o seu cultivo de orgânicos dê certo

  • É importante que entre as plantas do seu interesse de cultivo tenha uma boa variedade daquelas que são naturalmente mais resistentes a doenças.
  • O controle do seu jardim deve ser diário e sempre. As doenças e pragas quando são descobertas no início são mais fáceis de serem combatidas, controladas.
  • Faça a retirada manual de pragas, caso as encontre. Quando se consegue fazer essa retirada logo no início do estágio de infestação é bem possível que se obtenha o controle, principalmente, quando estamos falando de pragas que comem folhas, como as lesmas, os caramujos e as lagartas.
  • Para que as plantas fiquem protegidas dos animais como os pássaros e outros pequenos, coloque uma rede fina sobre elas. E todos os dias, crie o hábito de conferir sobre elas, se ficou preso algum “invasor”.
  • Uma rede de plástico rígido ou arame deverá ser usada em volta de arbustos ou árvores que ainda estão crescendo para evitar que animais a destruam. 
  • Para defender as suas plantas de caracóis e lesmas, use serragem, cinza, cal ou osso para cercá-las.
  • Se você está cultivando frutas e não quer que elas sofram durante o amadurecimento, poderá cobri-las com pano ou papel parafinado. Principalmente as frutas que as moscas gostam, como pêssegos, nectarinas e goiabas.
  • Você também pode usar produtos, mas devem ser bioinseticida, como por exemplo, o bacillus thuringiensis. Esse tipo de produto ajuda a combater as lagartas desfolhadoras. Ele pode ser usado também sobre verduras e legumes sem nenhum risco posteriormente ao consumo.
  • Caso você não consiga ter todos os insetos benéficos que são necessários, compre oque falta. Normalmente, estão à vendas as vespinhas para controlar as pragas como mariposas, também dá para comprar as joaninhas que defendem as plantas dos besouros e das moscas brancas.
  • Se quiser atrair mais insetos apelando para o cultivo, plante sabugueiro e cenoura selvagem. Eles virão atraídos por essas duas plantas.
  • Para ter um jardim perene, procure guardar algumas sementes. Procure aquelas que são mais resistentes a doenças e pragas.
  • Sempre que tiver qualquer dúvida sobre pragas ou detalhes estranhos que apareçam na sua planta, vá até uma loja de jardinagem e tire as suas dúvidas imeditamente. 

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Dicas

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *