Fechaduras Com Leitores Biométricos

O que poderia parecer coisa de filme de ficção científica transformou-se em algo bem real, as portas que se abrem através do reconhecimento da impressão digital de uma pessoa. Estamos falando de um tipo de fechadura que possui leitor biométrico, isto é, impressão digital.

A novidade tecnológica vem sendo muito utilizada atualmente pelas vantagens de segurança que oferece, praticidade e também, porque não é tão evasiva quanto outros meios tecnológicos. Somado a esses fatores também é considerado a rapidez e facilidade que é possível colher as impressões digitais que depois serão reconhecidas pelo sistema de fechadura.

Sem falar, que a probabilidade do sistema de leitor biométrico de leitura de digitais falhar é de 0,001%. O que significa que podemos dizer que é praticamente impossível que ele aceite a digital errada ou confunda uma pessoa com a outra.

As fechaduras com leitores biométricos estão sendo usadas em escritórios e também em residências.

As Fechaduras com Leitores Biométricos: Impressões Digitais

As novas tecnologias com fechaduras com sistema de segurança mais eficaz que substituem as chaves podem ser de vários tipos, como cartões ou até mesmo reconhecimento do rosto. No caso da impressão digital, ela faz com que as pessoas não sejam obrigadas a carregar nada, nem a velha chave e nem o cartão. Sem falar que evita o velho problema de ter que fazer a troca de fechadura ou do segredo porque perdeu a chave ou por algum outro inconveniente. O que acaba fazendo com que a fechadura com leitor biométrico tenha um preço bem econômico, considerando que se trata de uma solução para sempre.

Normalmente, esse tipo de fechadura pode fazer a leitura de no máximo 120 digitais e uma segunda opção, seriam senhas. Além disso, no caso de um escritório e comércio, a fechadura com leitor biométrico é capaz de dizer exatamente a hora de entrada e saída de cada uma das pessoas que passaram por ela, basta escolher o modelo “com auditoria”.

A possibilidade da senha é importante porque você poderá dá-la a uma outra pessoa, um parente, por exemplo, que entrará sem ter problemas. E para segurança, essa senha é programada para aquele uso específico e depois pode ser trocada.

Você poderá encontrar fechaduras com leitores biométricos com guia sonoro que vai falando e confirmando cada ação, no caso para pessoas com deficiência, tem também aquela com o teclado touch screen, com alarmes para caso alguém tente violar a fechadura de alguma forma e um alarme de emergência, quando as pessoas estão dentro de casa que abrem a porta.

Outra coisa bem “incrível” da fechadura com leitor biométrico é que qualquer pessoa pode instalar. É bem simples, é como colocar uma fechadura comum, seguindo os passos do manual de instrução.

Apesar de toda a segurança e de ter as impressões digitais como primeiro recurso para abrir a porta com esse tipo de fechadura e a senha como segundo. Ela também aceita, para saída, o  uso de chave e botão.

E ainda falando de segurança, caso alguém tente desinstalá-la sem usar nenhum dos recursos para abri-la normalmente, ela irá travar de modo que não seja possível a remoção.

São dois tipos de sistemas eletrônicos que controlam o abre e fecha das portas com esse tipo de fechadura, que podem ser acionadas das seguintes maneiras: senha numérica, leitura das impressões digitais previamente inseridas e memorizadas pelo sistema, uma chave digital, chave mecânica ou cartão digital.

As fechaduras mais modernas usam a biometria associada a um outro sistema para identificação, normalmente, a senha. Principalmente, na cidade do Rio de Janeiro, muitas construtoras já estão oferecendo apartamentos novos com esse tipo de sistema de fechadura implantado.

Biometria: Identificação Pessoal Segura

A biometria para identificar as pessoas não é somente usada nas fechaduras de portas de estabelecimentos comerciais e nas residências, ela começa a fazer parte da rotina de muita gente.

Se antes, os cidadãos estavam sendo reconhecidos, inicialmente, pela certidão de nascimento, depois a carteira de identidade e o CPF, este último o mais importante de todos. Aos poucos os dados foram entram para o computador e alguns serviços já consideram outras maneiras para identificar cada cidadão. Aliás, as impressões digitais necessárias para tirar qualquer documento que fosse e usando uma tinta que lambuzada todos os dedos, foram trocadas por alta tecnologia, que as lê e manda direto para o computador.  Já dá para fazer identidade, tirar carteira de motorista ou qualquer documento, sem sair com os dedos sujo de tinta. E não é só isso, também são feitos outros tipos de reconhecimento, como dos lábios, da voz, do modo de caminhar, etc. É a tecnologia sempre inovando e criando caminhos mais simples para a rotina do cidadão e mais seguro também.

O sistema de biometria no Brasil cresceu muito nos últimos anos, no que diz a empresa privadas e no que diz as públicas também. Os bancos, por exemplo, estão implantando o sistema nos caixas eletrônicos e o resultado de quem deu o pontapé inicial é tão positivo que a novidade está se espalhando rapidamente no setor. Esse tipo de sistema evita que o cliente tenha que decorar a senha, que muitas vezes por não conseguir, acaba cometendo o erro de tê-la anotada e dentro da bolsa ou na carteira. No total, são 10% dos caixas eletrônicos no Brasil que possuem já o sistema.

E não pense que existe algum tipo de restrição, qualquer impressão digital pode ser reconhecida, até mesmo um dedo molhado, sujo, desgastado ou ressecado. É um sistema que atende qualquer pessoa em qualquer situação.

A Caixa Econômica Federal está implantando o sistema de biometria para a retira do auxílio do Programa Bolsa Família e considera um grande  sucesso, reduzindo as filas e os constantes problemas de pessoas que esqueciam a senha.

O processo do uso da biometria em vários setores, entre eles, o financeiro, ao contrário do que pode parecer é mais democrático do que a velha e boa senha. Melhora a qualidade de vida do cidadão, faz com que o serviço bancário seja mais rápido e eficiente e faz com que as pessoas possam ter mais segurança.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Portas

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *