Limitador de Canteiro

A sociedade humana atual é infinitamente mais desenvolvida que as primeiras colônias de seres humanos que apareceram no planeta Terra. Devemos nos lembrar, porém, que todo esse desenvolvimento está atrelado às primeiras atitudes tomadas no passado, ou seja, os nossos ancestrais tem influência direta em tudo o que somos e o que fazemos hoje.

O ser humano começou a se tornar o que é hoje quando um de seus ancestrais conheceu o sedentarismo, isso é, a fixação em um lugar, em detrimento do nomadismo, que é a procura constante de local com recursos para a alimentação e sobrevivência. O sedentarismo coincidiu também com a domesticação de animais, tanto para alimentação quanto para companhia, e a prática da agricultura. Desse costume, surgiram os pequenos arraiais, passando pelas vilas, pequenas cidades e as grandes metrópoles que temos hoje em todo o mundo.

E, com o crescimento cada vez maior das cidades, cresceram também o número de pessoas e de casas, fazendo com que a área das cidades ficasse densamente povoada. A cidade de São Paulo, por exemplo, tem mais de 22 milhões de habitantes.

A construção de casas nessas áreas mais que dobrou, e continua crescendo. O padrão de construção mudou muito nos últimos anos, tendo as novas casas, muitas vezes, locais de recreação para os seus donos. Um desses ambientes é o jardim, que cada vez mais vem sendo requisitado nas residências. E, no nosso artigo de hoje, você vai conhecer um pouco mais sobre um item que está presente na maioria dos jardins: o limitador de canteiro. Além disso, você vai conferir dicas de como construir um jardim em sua casa. Vamos lá?

O Jardim: Aspecto Que Deixa a Residência Mais Leve

Como já explicitado anteriormente, o jardim é um recurso que pode ser utilizado nas residências para quebrar o cenário “concretado e cinza” que toda estrutura de ferro e alvenaria apresenta. Ou seja, dar um toque mais natural ao local onde mora. No entanto, muitas pessoas consideram que ter um jardim é algo custoso e que não teriam tempo necessário para cuidar dele de maneira correta.

Embora o projeto de construção de um jardim possa parecer caro de primeiro momento, a boa notícia é que pode-se construir belos e suntuosos jardins sem gastar muito dinheiro. Por exemplo, se você deseja criar apenas uma área verde em sua casa para que se diferencie do restante da residência, certas plantas, como violetas ou samambaias, podem fazer parte do jardim, inclusive se o mesmo for suspenso, que já é moda em vários locais do planeta.

Para deixar o jardim mais padronizado, você também pode optar pelo uso do “pingo de ouro”, que é um arbusto muito presente em jardins, sendo usada, inclusive, como cerca viva em algumas casas. O arbusto tem preço acessível e baixo custo de manutenção, além de realçar o ambiente em que é colocado. Alguns exemplares desse arbusto se assemelham a árvores, que podem ser moldadas a gosto do proprietário. Em alguns lugares, por exemplo, é possível ver que o pingo d’ouro pode ser moldado, praticamente, para qualquer forma, dando um ar mais exuberante onde é empregado.

O uso de pedras decorativas também é um belo pedido para um jardim, já que ela deixa um belo contraste entre o verde das plantas com a cor clara das pedras. Pessoas especializadas em decoração indicam que, além da presença das pedras e plantas, um pinheiro que esteja plantado diretamente na terra ou no vaso também é uma ótima medida para complementar o visual.

Algumas pessoas, além de um jardim, resolvem construir um pequeno lago artificial, para dar um tom ainda mais natural ao espaço. Os arquitetos e urbanistas dizem que o laguinho também pode ser construído em áreas pequenas, com aproveitamento de espaço e ainda tanto um “frescor” à área por causa da presença da água.

Usar objetos recicláveis, além de ajudar o planeta – sua principal missão – é tendência no mundo da arquitetura. Muitas pessoas utilizam pneus, os pallets, garrafas pet e outras para criar arranjos ou suportes para a confecção dos jardins.  Uma dica é utilizar pneus velhos, pintá-los a seu gosto e utilizar como vasos para suas plantas. Além de estar contribuindo para preservar o meio ambiente, você pode usar os seus vasos de pneu do jeito que preferir.

Os Limites de Canteiro

Ao projetar e construir o jardim, é necessário que você tenha em mente os espaços apropriados para instalar o jardim, além de dispor dos materiais necessários para realizar o “aterramento” e para dispor os limites no seu jardim ou canteiro. E, para tanto, existem vários produtos no mercado que podem servir para a construção desses canteiros.

Muitas pessoas, ao avistarem os jardins, não entendem o porquê da presença de um “espaçador” que delimita a área do jardim e de outra parte da residência. Isso se chama limite, e tem um objetivo bem claro: separar a área do jardim das demais partes do ambiente, além de também exercer um papel separador entre uma ou mais espécies de plantas. Uma vantagem do limite de canteiro é que ele permite que as áreas próprias para jardim possa ser preservado, sem ter problema que pedras ou as plantas saíam de seu lugar.

Geralmente feito de plástico, o limite de canteiro é colocado antes da instalação do jardim: ao preparar a área para a instalação da estrutura, o limite de canteiro é colocado ao redor, para que o arquiteto, ao executar o projeto, não tenha desvios na hora de colocar em prática já que, se não houvesse o limite delimitando a área a ser usada, provavelmente erros de projeto podem acontecer.

Uma das vantagens do limitador é a possiblidade de se realizar várias formas no chão que respeitem, ao mesmo tempo, as outras áreas do local e, ainda, dar um toque moderno ao projeto de jardinagem. Por exemplo, por conta da relativa flexibilidade do plástico, é possível fazer curvas com o limitador, dando um ar mais moderno ao projeto. Além disso, não atrapalha o desenvolvimento das plantas, permitindo-as que cresçam fortes e saudáveis.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Paisagismo

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • olá.meu nome é tainá, e tenho uma grande dúvida.tenho um canteiro gramado e no centro dele um coqueiro anão.em volta do meu gramado a grama esta amarelando e morrendo .já comprei fertilizante e nada adiantou.quero fazer agora um canteiro com grama ao meio e pedras ao redor mas nao sei como fazer se devo retirar a grama onde eu for colocar as pedras.se puder me dê algumas dicas por favor..quero fazer como na imagem 02 e 03.obrigado

    taina 6 de junho de 2012 17:03
  • quero comprar 50 metros de limitador de grama qto custa?

    iranide padilha dos prazeres 1 de abril de 2014 13:28

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *