Oferta de Imóveis em São Paulo

A oferta de imóveis em São Paulo tem sido muito menor do que a demanda ao longo dos últimos anos, e neste ano o problema tem se agravado e algumas pessoas chegam a ficar até 4 meses na fila Em Busca de Casas e apartamentos, especialmente esperando desocupar imóveis populares com preços mais baixos. O déficit imobiliário é um problema que aflige todo o Brasil, mas em cidades como São Paulo este problema se torna mais evidente, pois nas grandes metrópoles tem alguns agravantes, em especial a quase inexistência de terrenos para construção de novas edificações.

Oferta de Imóveis em São Paulo

Oferta de Imóveis em São Paulo

Segundo dados publicados pelo Sindicato e Habitação a reduzida oferta de imóveis pra alugar na capital paulista faz com que o valor do aluguel de um apartamento de um ou dois quartos, os mais procurados, possam estar cotados entre R$ 1.000,00 a R$ 1.600,00, e mesmo com esses preços exorbitantes a maioria deles tem fila de espera nas imobiliárias. Se você quer comprar a Sua Casa vai ter que esperar bastante. Essa é a lei básica de qualquer relação comercial, a lei da oferta e da procura, quanto maior a oferta menor o preço e quanto menor a oferta maior o preço, assim, seguindo esta regra, os preço dos Imóveis em São Paulo tem crescido acima dos parâmetros do setor.

Casa

Casa

Ainda segundo informações divulgadas pelo sindicato de habitação de São Paulo no período de 12 meses, compreendido de junho de 2008 até maio de 2009 o reajuste médio dos aluguéis foi de cerca de 10%, enquanto que a variação do Índice Geral de Preços do Mercado – IGP-M, índice que serve de base para o reajuste dos contratos no mesmo período foi de 3,6¨%, uma diferença de 7,4%, índice muito alto para uma época de crise econômica e de inflação tão baixa como a que vivemos agora. No entanto, nem mesmo com esses valores de alugueis tão altos e índices de reajustes igualmente altos a procura pelos imóveis diminui na grande São Paulo, e de acordo com indicadores e estatísticas do setor imobiliário a procura cresceu no último ano mais do que 100% e o número de pessoas que aguardam a vaga de um imóvel para alugar cresceu 11% no mesmo período.

Venda

Venda

Segundo o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis, um dos grandes responsáveis pelo déficit habitacional é a iniciativa dos maiores investidores do mercado imobiliário na Construção Civil em SP destinar-se a de imóveis de luxo, de alto padrão em detrimentos do Aluguel como Investimento em prédios de apartamentos mais populares. Assim cresce o número de investimentos e de oferta de imóveis residenciais em São Paulo com residências e Comodidade em Condomínios de luxo, especialmente edificações que oferecem aos seus clientes serviços diferenciados, tão procurados atualmente, como condomínios com salões de beleza, academias de ginástica e outras opções de serviços e lazer.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Imóveis

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *