Como Colocar Vidro Em Janela De Madeira Com Baguete

Janelas de Vidro

Os itens influenciados pela moda não se resumem apenas ao mercado de roupas e acessórios, mas os mais diversos segmentos podem ser afetados por tendências, entre eles o da arquitetura, decoração e construção civil. De certo modo, os itens mais tradicionais nesses ramos citados acabam se tornando mais fixos e imutáveis, porém, ainda assim existem artigos que são utilizados apenas em um época.

As janelas de vidro – que são o principal item desse artigo – já são utilizadas nas construções há muito tempo, e elas permanecem em alta até os dias de hoje. Porém, apenas sua popularidade e seu estilo não devem ser o único fator a ser considerado, mas sim fatores como iluminação, ventilação, praticidade, privacidade, entre outros. Os mais relevantes serão especificados abaixo.

– Iluminação e ventilação: As janelas constituídas de vidro oferecem uma ótima iluminação e ventilação, principalmente em ambientes mais amplos e espaçosos. Porém, algo que pode incomodar é o fato da iluminação em momentos indesejados e da falta de privacidade, porém, esse incômodo pode ser facilmente resolvido ao se usar cortinas. As cortinas podem acabar constando como um gasto extra, e também acabar sendo um problema, caso os moradores da casa e/ou frequentadores do ambiente sejam alérgicos  a poeira, já que ela pode funcionar como um acumulador de ácaros. Porém, olhando por outro ponto de vista, as cortinas são um item a mais de decoração, que podem dar um toque a mais no local onde for instalada.

– Limpeza: Esse é um fator bastante decisivo na hora de se optar pela instalação de janelas de vidro, já que desagrada muitas pessoas, já que as janelas de vidro se encaixam em dois extremos. O primeiro deles é o ponto de que essas janelas são extremamente fáceis e práticas de limpar, já que podem ser lavadas – ao contrário, por exemplo, das janelas de madeira, que precisam de um certo cuidado na hora da limpeza . – Porém, a limpeza pode se tornar complicada em locais muito altos ou de difícil acesso. Além disso, há também a questão que ainda que a limpeza da janela seja fácil, mantê-la limpa é uma tarefa complicada, já que qualquer pequena mancha ou sujeita fica muito evidente, mais ainda do que em janelas feitas de outro material.

– Preço: As janelas de vidro costumam custar um pouco mais caro do que as de outros tipos, mas também existem outras janelas que são ainda mais caras. Por isso, essa é uma questão de comparação e de ponto de vista. Há ainda a possível necessidade de cortina, como já foi citada acima, e esse também é um gasto a mais. Caso seja decido que essa janela vale a pena, com certeza os benefícios são imensos, como o ar moderno e contemporâneo que o ambiente terá, além do fato de que essas janelas possuem uma vida útil extremamente longas, desde que os devidos cuidados sejam tomados.

Tipos De Janelas De Vidro

– Janela Guilhotina: Esse tipo de janela é bem clássico e antigo, e sua principal característica é abrir na vertical. Ela possui uma peça chamada borboleta, que é responsável por sua sustentação. A janela guilhotina é uma ótima opção para ambientes que possuem espaço reduzido, já que ela não ocupa nenhum espaço.

Janela Guilhotina

Janela Guilhotina

– Janela de Correr: Essa é aquela janela que se abre deslizando horizontalmente, de modo rápido e com pouco esforço. Além disso, ela é facilmente encontrada no mercado atualmente.

Janela de Correr

Janela de Correr

– Janela Sanfonada: Essa janela conta com uma articulação, que faz com que seja possível dobrar suas partes – também conhecida como folhas – umas sobre as outras. Ela é um modelo muito moderno e estiloso, porém seus pontos negativos são o fato de que elas necessitam de bastante espaço no ambiente, e sua limpeza pode acabar sendo mais trabalhosa do que as mais comuns.

Janela Sanfonada

Janela Sanfonada

– Janela Projetante: Esse tipo de janela conta com sua fixação na parte superior, e assim, sua abertura se dá para fora, pela parte de baixo. É facilmente encontrada em cômodos como banheiros e lavanderias.

Janela Projetante

Janela Projetante

– Janela Basculante: A abertura dessa janela acontece através de um sistema com eixo horizontal, e a maior vantagem dela é a possibilidade do controle do tamanho da fresta de abertura. É muito usada nos banheiros a nas cozinhas.

Janela Basculante

Janela Basculante

– Janela Tombar: Essa janela carrega esse nome, pois pode ser aberta tanto para o lado de fora, quanto pelo lado de dentro, e isso acaba dando a impressão de que ela pode tombar. Assim como a sanfonada, ela também possui um estilo bem moderno, podendo passar isso para o ambiente.

Janela Tombar

Janela Tombar

– Janela Pivotante: Ela conta com fixação tanto na parte superior, quanto na do meio, possibilitando assim que ela faça um giro de 90º. Ela é ótima para quem deseja facilidade na hora da limpeza.

Janela Pivotante

Janela Pivotante

– Janela Fixa: Essa janela proporciona apenas uma boa luminosidade, porém  ela não possui aberturas, o que pode comprometer fortemente a ventilação.

Janela Fixa

Janela Fixa

Colocar Vidro Em Janela De Madeira Com Baguete

Todas as janelas citadas acima possuem em comum o seu material, que no caso, é o vidro. E assim, elas precisam ser fixadas de alguma maneira, sendo uma possibilidade, o baguete.

Os baguetes não são indicados em todos os casos, mas de modo geral, eles são peças de madeira que são ajustados na esquadraria um a um, de modo artesanal. E eles não podem ser mudados de lugar. Os baguetes devem conter rebaixos de acordo com a espessura do vidro e a aplicação pode ser feita também com pregos sem cabeça e cola branca.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Dicas

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *