Sugestões de Cortinas Para a Sala

A decoração é o que dá a personalidade do dono ao ambiente e por isso cada pequeno detalhe faz a diferença. As cortinas usadas na sala podem ajudar a deixar o ambiente mais aconchegante ou mais despojado para receber os amigos. Essa escolha depende muito da forma como se pretende usar a sala.

Para te ajudar a fazer a escolha que mais tem a ver com a sua sala vamos explicar um pouco mais sobre as opções de cortinas disponíveis. Sempre tem um modelo que tem tudo a ver com o espaço da sua sala e que pode ser o que estava faltando para que o espaço adquira o charme que lhe faltava.

Dicas de Opções de Cortinas Para a Sala

Cortina com Varão

A sala é um ambiente que combina bastante com o uso de varão de madeira para a cortina. Se você tem uma decoração mais tradicional e deseja que a sua sala ganhe um visual mais aconchegante vai encontrar no varão de madeira a peça perfeita. A dica é usar uma cortina discreta como voal branco com a sobreposição de xale marrom. Observe que o varão de madeira não é uma boa opção para quem deseja um estilo mais descontraído.

Cortina Xale com Pregas

Para deixar a sua decoração mais requintada você pode optar por uma peça que seja rica em detalhes. Quem deseja conseguir bloquear totalmente a luz que entra no ambiente de dia pode optar por ter um blecaute por trás da cortina. A cortina para conseguir esse visual de requinte é usar uma cortina de organza clara que esteja emoldurada pelo xale de seda com pregas favo. Esse conjunto fica encaixado numa caixa de MDF o que confere um acabamento mais bonito.

Cortina de Voal Cinza

Quem tem uma decoração em cores fortes na sala pode neutralizar o conjunto com uma cortina em tons neutros como o cinza. O voal é um tecido que representa uma excelente opção de escolha já que é leve e muito fácil de ser lavada. Esse tipo de cortina ainda se destaca por oferecer um acabamento que cria ondas leves no tecido, o trilho pode ficar embutido no cortineiro de gesso.

Cortinas de Seda

Se a sua sala tem muitas janelas ou janelas muito grandes é necessário aprender a como controlar a entrada de luz natural e manter a privacidade. Para isso a dica é cobrir o ambiente como um todo usando cortinas. Para criar essa cobertura mais eficaz a dica é usar miolos feitos de voal e xales de seda mais rústica, fica charmoso e evita a entrada maciça de luz.

Persianas em Cores

Quando você deseja conferir mais vida para um ambiente pode apostar em persianas que sejam coloridas. Crie uma combinação de tons que fiquem interessantes juntos como o verde, roxo e laranja. Essa dica é ideal para quem deseja que a sua sala se torne mais convidativa para atividades de descontração com os amigos. Esse tipo de persiana pode apresentar algum tipo de transparência, para evitar que entre muita luz em determinados momentos é possível usar um rolô por trás.

Xale Escuro com Cortina Clara

Quando se deseja trabalhar com o contraste é possível optar por uma cortina leve e clara com um xale que seja escuro e pesado. Uma combinação que traz mais diversidade para a sala uma vez que a cortina leve permite que a luz entre e o xale escuro e pesado permite ter a privacidade quando se deseja. Observe ainda que um xale pesado evita a entrada de luz no ambiente. Uma combinação que ainda oferece requinte ao ambiente.

Rolôs

Nem todo mundo deseja um ambiente convencional para a sua sala, uma dica para quem deseja funcionalidade e praticidade é optar pelo uso de rolos de tela solar que servem para fechar os vãos. Dessa forma é possível filtrar a luz do sol, mas não se perde a iluminação externa como um todo. Tem dias em que tudo o que queremos é um pouco de sol, mas em outros queremos apenas um pouco mais de privacidade.

Persiana Fise

Quem prefere ter um living ou espaço para home theater na sua sala sabe que é necessário ter momentos de luz e de escuro. A dica é ter uma persiana Fise para os momentos em que a TV será ligada. Essa cortina com blecaute permite que se reduza ou aumente a entrada de luz no ambiente com o uso de um controle remoto. Quando se deseja manter o ambiente iluminado, mas com privacidade é possível escurecer apenas uma parte da sala.

Cortina Curta + Xale + Pingentes

Se você tem crianças pequenas ou animais de estimação como cães e gatos deve evitar usar cortinas longas. Para a sala pode ser usada uma cortina curta, ou seja, aquelas que são um pouco mais longas que a janela. Para conferir mais elegância escolha um modelo de cortina de organza bege com xales de seda com pregas que tenham pingentes de cristal.

Cortina de Camurça

Para garantir um visual mais sofisticado para a sua sala a dica é optar por uma cortina de camurça. Observe que essa não é uma boa escolha para quem mora numa cidade muito quente uma vez que esse é um tecido que tende a esquentar demasiadamente. O uso desse tipo de cortina deixa o ambiente mais elegante e mais moderno.

Parede de Cortina

Uma forma de deixar a sala com um visual diferenciado e mais sofisticado é optar por uma cortina que cubra toda a parede em que a janela está. Pode ser uma opção para quem tem uma janela muito grande. Para dar mais movimento e graça para a sua cortina você pode escolher uma cortina que caia em ondas largas. O ambiente ganhará muito mais em conforto, bem legal para quando você deseja assistir televisão sem a interferência da luz que vem de fora.

Silverscreen

Quando se tem janelas muito amplas na sala é importante encontrar uma cortina que ajude a tapar a luz que vem de fora para facilitar assistir televisão. Uma escolha interessante é o rolo Silverscreen que consegue bloquear até 97% da entrada de luz.

 

As cortinas são algo que têm total importância na decoração de uma sala, afinal sem elas as janelas perdem todo o seu charme. Elas ajudam a compor o estilo escolhido por você para a sua sala de estar, além disso, ainda servem para escurecer o ambiente para relaxar ou assistir televisão, e também proteger móveis ou plantas próximas da janela do sol excessivo.

Antes de tomar a decisão de qual tipo de cortinas irá funcionar melhor para sua sala de estar, uma das coisas mais importantes para se ter em mente é a sua função. Você quer as cortinas para proporcionar privacidade e bloquear a luz ou elas serão estritamente decorativas? No caso de cortinas para bloquear a luz, o tecido escolhido deve ser mais grosso, ou no caso de um modelo mais fino, deve contar com um forro. Já as cortinas usadas apenas como peça decorativa podem ser de qualquer tecido, desde que combina com o restante da sala.

Observe nas imagens abaixo que as cortinas são feitas no mesmo tecido das almofadas. Essa é uma opção que fica muito bonita, é ideal para quem não quer arriscar e misturar muitos tipos de estampas. Estes são exemplos de cortinas mais básicas, sem muitos detalhes. Vale ressaltar que as cortinas estampadas devem ser escolhidas levando em consideração as cores predominantes dos outros itens da sala, como: sofá, tapetes, etc.

Outro elemento bastante importante é a cor do tecido. Se você deseja cortinas para se que se destaquem, considere um tecido vivo, que pode ser estampado ou liso. Contudo, se preferir um design simples, considere cores neutras e claras. Outro ponto importante é você saber as dimensões exatas das janelas para comprar as cortinas adequadas.

Em lojas de decoração você irá encontrar diversos tipos de cortinas, há as mais simples, que não contam com muitos detalhes e as mais elaboradas, com babados e fitas.

A imagem acima mostra exemplo de cortinas mais elaboradas, combinam com salas de estar que tenham um estilo mais formal e clássico. Observe os babados e as dimensões do tecido, eles cobrem praticamente toda uma parede, tanto em largura quanto altura.


Categoria(s) do artigo:
Decoração

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *