Cultura e Arquitetura

Sabe qual é a forma mais simples de conhecer a cultura de uma cidade? Observar a sua arquitetura, pois as edificações, a lógica urbana das ruas assim como suas praças e espaços de convivência nos dizem como são travadas as relações culturais entre os moradores locais. Podemos apreender uma série de respostas acerca de uma sociedade só olhando para a sua arquitetura.

Cultura e Arquitetura

Cultura e Arquitetura

Sendo assim compreendemos que arquitetura também é uma manifestação cultural, com o diferencial de ser também funcional enquanto moradia e meio de dar vazão ao fluxo urbano. As formas adotadas por uma cidade nos explicam a forma como seus moradores pensam. Na próxima vez que você fizer uma viagem deve tirar um tempo só para apreciar as igrejas, casas, edifícios, praças, monumentos entre outros elementos da cidade.

Representatividade

Algo que é curioso e ao mesmo tempo poderoso na arquitetura é a sua capacidade de ser representativa, isto é, de dizer algo sobre as pessoas que moram nela. Se a pintura tem caráter figurativo a arquitetura apresenta caráter representativo. Uma cidade com inúmeros arranha-céus como São Paulo nos diz que é uma cidade de fluxo intenso e na qual o ritmo nunca desacelera.

Já uma cidade como Curitiba, que mescla edifícios não tão altos com muito verde, nos fala sobre um ritmo de vida que vai desacelerando no decorrer do dia. Pequenos detalhes da arquitetura nos ajudam a compreender a lógica urbana de cada lugar. A arquitetura dá ordem até ao caos. Os erros da arquitetura, como amontoados de edifícios em locais de pouco desenvolvimento social, também apresentam valor representativo. Nos dizem que ainda existe grande injustiça e distância social entre diferentes camadas da sociedade.

Religiosidade

Outro aspecto cultural que pode ser facilmente identificado nos grandes centros urbanos através da observação da arquitetura diz respeito à religiosidade da população local. A quantidade e a variedade de igrejas e templos nos mostra quais são as religiões representadas, afinal se os espaços foram construídos é porque tem demanda.

Urbanismo

O trabalho do urbanista é determinar de que maneira transcorrerá o fluxo da cidade planejando assim como estarão dispostas as ruas e os edifícios mais importantes. Um exemplo interessante é a cidade de Brasília que por ser uma cidade planejada teve toda a sua lógica desenhada no papel antes de se tornar real. Você já parou para pensar que a forma como você se desloca para o centro da sua cidade diz muito a respeito dela?

Arquitetura é Cultura Desde a Antiguidade

Os gregos atribuíam grande importância à arquitetura de suas cidades porque compreendiam que através dela podiam transmitir conhecimento. A presença de monumentos espalhados pelas cidades tinha a função não só comemorativa, mas também educativa contando para todos qual era a história do local. A vivência que era atribuída as cidades era tão forte que havia grande restrição por parte dos gregos aos estrangeiros.

Atualmente, as cidades se configuram como um centro de informação e comunicação em que as pessoas podem viver diferentes experiências utilizando para isso os meios provenientes das estruturas arquitetônicas. Arquitetura é cultura e um reflexo das pessoas que dão vida as estruturas de concreto.


Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Construção

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *