Como Usar Iluminação Externa

A iluminação é um fator preponderante para um espaço seja ele interior ou externo. A iluminação feita de maneira correta, ajuda ao ambiente a transmitir equilíbrio, conforto, aconchego e outras inúmeras características.

Como Usar Iluminação Externa

Como Usar Iluminação Externa

Uma Iluminação é Considerada Boa Quando Ela Consegue Atingir:

  • A Eficiência – uma iluminação eficiente é aquela que gera uma boa visibilidade;
  • Praticidade Funcional – uma iluminação prática e funcional é aquela que possui uma manutenção simples e que não esquenta o ambiente;
  • Prazer Sensorial – uma iluminação que causa sensação de prazer é aquela que resulta em uma boa estética para o local, alem de proporcionar conforto visual para as pessoas;

A Iluminação é uma técnica para criar uma nova visão para o ambiente, gerando beleza, realçando as formas, cores, objetos e efeitos diversos do ambiente.

Por isso, quando for contratar algum profissional para elaborar um projeto de iluminação é importante que seja criado no ambiente à transmissão dos sentimentos adequados. Por exemplo, a iluminação de um quarto não pode ser igual ao de uma cozinha e nenhuma das duas iluminações pode ser igual a iluminação a ser desenvolvida para um ambiente externo.

A Iluminação Externa

A iluminação externa está associada à construção e definição do ambiente. Um bom projeto de iluminação do ambiente exterior ajuda a realçar a visibilidade da sua casa, do seu jardim, da piscina e de outros objetos que estejam presentes na parte externa do imóvel que você deseja iluminar.

O uso de iluminação externa, além de realçar o imóvel e suas principais características, pode servir como fator de segurança, pois um ambiente iluminado permite que possamos ver qualquer ameaça ou situação fora do normal possa ser facilmente percebida.

A Iluminação Externa

A Iluminação Externa

Tipos De Iluminação

Existem alguns tipos de Iluminação que são bastante utilizadas na produção de Iluminação para Ambientes Exteriores:

  • Iluminação Focal – é um tipo de iluminação direcionada, que foca e ilumina um determinado ponto do ambiente externo: plantas específicas, árvores, esculturas e algum outro objeto de interesse;
  • Iluminação Indireta – neste tipo de iluminação não existe um objeto ou foco destacado. Nesse tipo de iluminação, normalmente os pontos de luz são colocados atrás de plantas e é direcionada para muros e pisos;
  • Iluminação Geral – este tipo de iluminação é aquele que ilumina o local como um todo, de forma ampla. Não existe nenhum ponto destacado, na iluminação geral é gerada luz para todo o ambiente;

Dicas Para Fazer Uma Iluminação Externa De Ambientes

Segue abaixo algumas dicas para que seja colocada a iluminação externa de ambientes:

  • Caso existam plantas de grande porte, é interessante que elas sejam iluminadas, pois assim será aumentado o realce e estas plantas irão ficar em evidencia;
  • Colocar luminárias em locais que possuem escadas e em locais mais escuros e que possam conter algum perigo, é necessário para evitar acidentes;
  • Iluminar a frente de sua residência é uma forma de melhorar as condições de segurança e gerar certa condição de proteção contra a crescente violência existente nas grandes cidades;
  • Podem ser colocados pequenos feixes de luz em locais mais baixos. Essa atitude fará com que a iluminação parta do chão para cima e irá realçar a beleza dos pontos desejados e da própria natureza do local;
  • Tenha cuidado com as plantas do ambiente exterior e faça uso de materiais apropriados e seguros para realizar a iluminação externa do ambiente. essa atitude garante que você não tenha prejuízos financeiros e também não prejudique o seu jardim;
  • A Iluminação do ambiente exterior não precisa ser exagerada ou excessiva, pois irá gerar um desconforto visual, além de gerar bastante sombra. A regra geral para iluminar o ambiente exterior é o uso de luzes gerais fracas e fazer o complemento com iluminação direcionada para realçar determinados objetos;

Seguindo essas dicas, você conseguirá unir as seu jardim com uma iluminação segura e de qualidade, gerando beleza, elegância e segurança na realização desse projeto.

Produtos Para Iluminação Externa

Atualmente é possível encontrarmos no mercado uma grande variedade de produtos para serem utilizados na elaboração de iluminação externa. Existem produtos para todos os tipos de usos e finalidades, preferências e principalmente preços.

Segue relação de alguns produtos próprios para a utilização em projetos de Iluminação Externa:

  • Arandela – é um produto com ótima condição para ser utilizado na iluminação de terraços e varandas. A Arandela é muito similar a um poste, contudo ela é instalada em alturas mais baixas que estes. Quando a Arandela é colocada por trás das plantas, ela causa um efeito bastante acolhedor e aconchegante;
  • Balizadores e Refletores – estes produtos são espécies de luminárias que são instaladas no chão, com a luz incidindo de baixo para cima. A função desses produtos é refletir um feixe de luz forte e concentrada em determinados pontos. Esse tipo de produto é bastante utilizado para direcionar e determinar caminhos e valorizar determinadas plantas que são cultivadas na área externa de determinado ambiente;
  • Poste – produtos usados para iluminar áreas externas de forma ampla e geral. Precisam ter uma altura de pelo menos 02 (dois) metros de altura, para que a iluminação não seja ofuscada. Os postes oferecem um charme todo especial as áreas externas;
  • Spot – esses produtos servem para iluminar um ponto especifico para dar destaque a uma planta, escultura ou qualquer outro objeto da área externa. Os spots podem ser utilizados em varandas ou em cantos de jardim que darão um realce fantástico ao objeto que você deseja iluminar;

Cuidados a Serem Tomados Na Iluminação Das Áreas Externas

É importante que sejam tomados uma série de cuidados com os produtos instalados para a realização de uma iluminação externa.

É interessante que sejam criados protetores contra a chuva e qualquer outro agente externo que possa vir a causar algum tipo de dano aos produtos que realizam a iluminação externa.

Outro Cuidado a ser tomado é conhecer bem o espaço antes de realizar a distribuição de luzes pelo ambiente. Cada tipo de área deve ter um tipo de iluminação, por exemplo: a iluminação de uma área de circulação é completamente diferente da iluminação de uma área para convivência.

Também é necessário tomar cuidado com a instalação dos equipamentos, que cumprem a sua função de iluminar o ambiente nos períodos noturnos, contudo no período do dia, em caso de mal instalados eles podem agredir um projeto de paisagismo de um jardim.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Área Externa

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *